A solução, feita em parceria com a Universidade de Harvard, promete facilitar a vida de diabéticos. Pesquisadores da Universidade de Harvard e do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos EUA, desenvolveram uma solução criativa que pode facilitar o dia-a-dia de quem tem diabetes.

Eles fabricaram uma tinta para tatuagem que contém substâncias químicas capazes de detectar níveis de açúcar, sódio e pH no sangue. A solução faz mudar de cor a tatuagem quando o açúcar no sangue aumenta, ou níveis de sódio, e até mesmo os níveis alcalinos.

1

A tinta propriamente dita foi apelidada de DermalAbyss. “A DermalAbyss cria um acesso direto aos compartimentos no corpo e reflete processos metabólicos internos em forma de tatuagem”, explica um comunicado do MIT.

Muito mais negócio ter uma tattoo para te monitorar do que ficar furando o dedo pra tirar sangue né?

Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de brasileiros diagnosticados com diabetes cresceu 61,8% nos últimos 10 anos, passando de 5,5% da população em 2006 para 8,9% em 2016.

Tattoaria
Escrito por Tattoaria
Nós conectamos os apaixonados pelo rabisco a artistas e estúdios do Brasil e do exterior. E resumos sobre o que da cor as nossas vidas: tatuagem. Get inspired. Get inked.